Imigração americana muda aspectos importantes em suas leis

Após os recentes atentados terroristas acontecidos em Paris e em San Bernardino – CA, os EUA aumentaram em diversos aspectos os requisitos de segurança para entrada no país. Uma das mudanças aconteceu em seu programa de isenção de vistos, que permite que cidadãos de 38 países viajem para os EUA apenas com uma autorização de viagem, a ESTA (Electronic System for Travel Authorization), sem necessidade de uma solicitação de visto.

Entretanto as pessoas desses países que viajaram para o Irã, Iraque, Síria e Sudão nos últimos cinco anos precisarão de visto para entrar nos EUA.

Além desses, outros pontos relacionados ao histórico de viagem dos solicitantes devem ser considerados. Visitas frequentes a países como Rússia e Coréia do Norte podem também levantar um alerta.

A ausência de viagens anteriores ao exterior sempre foi um fator negativo e pode aumentar a importância de outros aspectos a serem considerados pelo oficial consular e de imigração. Provavelmente esse fator levará o oficial a fazer mais perguntas sobre sua vida em seu país e também os motivos da sua viagem.

Além dos recentes atentados terroristas e a questão dos refugiados sírios, o aumento do número de brasileiros imigrantes no último ano deve endurecer a avaliação de solicitações de vistos de brasileiros e de outros países cujos cidadãos já precisam de visto para os Estados Unidos.

Por isso, contar com uma boa assessoria de vistos pode fazer toda a diferença, e poderá ajudá-lo a ter seu visto aprovado.

 

Recommend
Share
Tagged in
Leave a reply